Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Rostos Santacombadenses

... dar voz aos filhos de Santa Comba Dão!

Rostos Santacombadenses

... dar voz aos filhos de Santa Comba Dão!

António e Raquel

antónio e raquel - bisão.jpg

António Soares Ferreira (Bisão), nasceu na Colmeosa, freguesia de Couto do Mosteiro, concelho de Santa Comba Dão, a 6 de Julho de 1914 e era filho de Francisco Ferreira Bisão e de Esperança de Jesus Soares.
Casou com Raquel Rita, esta natural de Santa Comba Dão, nascida a 22 de Janeiro de 1911, filha de José Pedro Prata e de Maria José Rita.
Do casal António e Raquel, nasceram três filhos, o Silvério (já falecido), Sérgio e Isidro.
António Bisão, logo após a escola primária, aprendeu a arte de alfaiate, com o seu conterrâneo do Couto do Mosteiro, o Abel "Mataloto", (Manaças), pai do também alfaiate, António Nunes (Manaças) da referida localidade.
António Bisão, mais tarde, vem a abrir a Alfaiataria Bisão, junto á Estação de Caminhos de Ferro, no Vimieiro e que ainda hoje se mantém em actividade, mas agora propriedade de seu filho Sérgio que com ele aprendeu o oficio.
Também o primogénito do casal, o Silvério, com seu pai aprendeu a arte e depois de uma passagem por Angola, acabou por abrir um pronto a vestir "O Fató", mas com estabelecimento inicial na Rua Mouzinho de Albuquerque e mais tarde na Rua Sacadura Cabral em Santa Comba Dão.
António Bisão, também foi desportista, fez parte da equipa de futebol, o Santacolumbense, que teve a sua sede, na Rua Mouzinho de Albuquerque, mais propriamente aonde foi a alfaiataria Costa de Gentil Marques da Costa.
Recorde-se que o Santacolumbense, era a filial nº 16 do Clube de Futebol Lisboeta "OS BELENENSES", filial que ainda hoje se mantém, mas na posse do Grupo Desportivo Santacombadense.
António Bisão, gostava de conviver, de tertúlias, da caça, mas principalmente da agricultura na sua quinta na Colmeosa, guardando religiosamente, pelo menos um dia por semana, para juntamente com assalariados, tratar das suas vinhas e outros afazeres agrícolas
E foi num desses dias de trabalho na quinta, que Bisão é acometido de doença súbita fulminante, estávamos a 2 de Abril de 1987.
Perdia-se um homem, bom marido e bom chefe de família, mas também um amigo de tanta gente, que ao longo da vida foi angariando.
Raquel Rita, sua esposa, foi sempre doméstica, era querida por toda a família e muito respeitada no meio.
Faleceu 10 anos depois do marido, a 29 de Abril de 1997, com 86 anos de idade.
Gente boa, "Rostos Santacombadenses", que temos o gosto de lembrar, com saudade.

António e Raquel no facebook